Fragmentos

Release sobre show de Filipe publicado na revista da Secretaria de Cultura da cidade de Guimarães, em Portugal, onde ele se apresentou no Centro Cultural Vila Flor, em novembro de 2014. “Jovem letrista brasileiro, Filipe Catto é um compositor que não teme a palavra e segreda ao público sentimentos inconfessáveis. Este atrevimento ou despudor, dependendo […]

Fragmentos

“O universo do SAGA é o inconfessável, eu acho. É aquele lugar até meio desconfortável, que vem de sentimentos que eu não sei lidar direito. É um universo meu, sim, mas todo mundo tem isso. Então eu tentei ilustrar isso no conceito de cabaret, desse lugar viciado, carnívoro, luxurioso e falar da dor de uma forma […]

Fragmentos

“Meu movimento artístico sempre foi de muita mudança. A minha constância é sempre a vontade que tenho de mudar, o que venho fazendo. Não tenho vontade de ficar sempre no mesmo lugar, como artista, então é sempre uma tentativa de superação profunda. Este tipo de coisa acontece de dentro pra fora. Não adianta a gente […]

Fragmentos

“Omolu é quem faz a transmutação entre o que está morrendo para o que vai nascer. Nestas horas, em que a gente se vê tão desamparado no mundo, a gente olha a morte de frente. A gente sorri pra morte, convida ela pra entrar. Pede um conselho pra morte, porque nada vai ser como era […]

Fragmentos

“Eu gosto de arte, de muitas coisas… Às vezes eu vejo uma fotografia, uma exposição que fala muito mais, expressa muito mais o que eu estou sentindo. Eu fui à Inhotim há um ano…e  agora eu sei que está tendo a exposição da Adriana Varejão aqui em São Paulo e eu estou louco para assistir. […]