Memória: Marcelo Yuka

20200118_200652
📸 Lili Martins /Folha Press

Um ano da partida de Marcelo Yuka, um verdadeiro guerreiro. Baterista e um dos líderes do grupo O Rappa, ele presenciou um assalto, no bairro da Tijuca, onde morava e quis ajudar a vítima. Acabou levando nove tiros que o deixaram paraplégico e incapaz de tocar seu instrumento, o que não o desanimou e o fez se especializar no ofício de compositor.

Tornou-se palestrante, ativista dos direitos humanos e se filiou ao PSOL, tendo concorrido ao cargo de vice-prefeito na chapa de Marcelo Freixo.

Nada parecia desanimar Marcelo, até que no ano passado, com apenas 53 anos e 18 anos depois do crime que o vitimou, ele partiu. Grande Yuka!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s